Reservistas convocados pela Rússia para lutar na Ucrânia chegam a bases militares

Homens russos começaram nesta segunda-feira a receber treinamentos antes de irem à linha de frente na Ucrânia. Na semana passada, o presidente Vladimir Putin anunciou uma escalada militar com a convocação de 300 mil reservistas entre 18 e 65 anos. Desde então, protestos se espalharam pela Rússia. Manifestantes denunciam repressão policial e mais de duas mil prisões. Há também relatos de fugas para países vizinhos. O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, pediu que países do Ocidente intensifiquem a pressão sobre a Rússia por conta da ameaça de Putin de usar armas nucleares. Veja abaixo Tweets de jornalistas, especialistas e veículos de imprensa sobre a invasão russa à Ucrânia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s